Machos e Fêmeas em flor

Começam agora a mostrar sinais das primeiras flores dos pepinos, e das abóboras.

Os pepinos já levam um avanço grande às abóboras.

Tive a pesquisar para poder saber como fazer a polinização à mão, para precaver a falha do habitat natural destas plantas…digamos que por aqui vai já havendo alguns insectos, mas poucos, umas vespas de vez em quando, umas joaninhas…e as pragas é claro!

Daquilo que consegui perceber, consegue-se facilmente identificar a flor fêmea, com o futuro possivel fruto na base da flor, do macho que é apenas a flor. Basta depois que as hastes que contêm o pólen, no interior de cada flor, uma entre em contacto umas com outras, ou seja macho e fêmea, através de pincel , ou com a flor mesmo… felizmente existe muita informação na net, como no youtube, a exemplificar.

Mas…

Tenho um problema logistico…no pepino, apenas tenho flores macho….

E…tenho um problema de timing… na abóbora, as flores fêmeas abriram primeiro, duraram apenas um dia, e os machos tão lá, mas não se desenvolvem…é pena porque pensar naquelas pequenas abóboras tão bonitas se perderem….

mas na natureza tudo têm uma explicação, seja tempo que anda maluco, ora sol, ora chuva, ora trovoada, ora sol…seja por estarem perto demais de outras plantas que não deviam…seja como for tudo isto, é uma experiência e é bom poder aprender coisas tão simples, e ficar extasiada, a ver como se forma uma pequena abobora, ou um pepino, que durante anos apenas os vi no supermercado…ver o acontecido, participar nele, desde semear a pequena semente e colher, dá-nos uma dimensão completamente diferente…das coisas tão importantes que são, como o nosso alimento que nos dá vida.

Bem logo se vê…o que acontece com as minhas plantas…pelo menos é bonito ve-las a crescer e enroscarem-se na varanda…as pessoas já param e perguntam que serão aquelas plantas? e se começarem a criar fruto, acho que seria responsável por uns quantos torcicolos na vizinhança….

Flor da abóbora com futuro fruto

Flor da abóbora macho

Vista de fora da aboboreira em flor

7 thoughts on “Machos e Fêmeas em flor

  1. Suelene Barros diz:

    Li que se pega uma fita e prende-se a flor macho espera a femea abrir e solta a flor macho e faz a polinização, isso tem que ser na madrugadinha pois a temperatura do meio da manhã em diante, estraga o pólem

  2. Tacila diz:

    O fato de as flores fêmeas se abrirem primeiro que as flores macho é uma estratégia natural para que a planta não fecunde ela mesma. Isso contribui para a variabilidade genética, já que para haver variabilidade é necessário que a planta fecunde outro indivíduo. A variabilidade genética é muito importante para a manutenção da espécie e por isso a auto-fecundação ocorre apenas em situações extremas.

    • Seruda diz:

      Olá. A flor macho é aquela que se parece com flor normal tem as pétalas e os estames (polén para polinizar) e o caule liso, a flor fêmea é aquela que entre as pétalas e o caule tem uma dilatação parecida com futuro fruto no caso uma abóbora. Boas hortas!

    • Seruda diz:

      Tem que aguardar. Às vezes leva tempo até começar surgir as flores fêmeas, se quiser pode guardar as flores macho para depois politizar as outras qd aparecerem.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s